Construção Civil

July 11, 2016

Compatibilização de projetos e controle de execução de obras e empreendimentos imobiliários.

Projeto arquitetônico

             É considerada a parte escrita do projeto e é regulamentado por um conjunto de normas técnicas e por um código de obras e é dividido em algumas etapas:

 

¨ Levantamento de dados: Levantamento de Dados com o cliente, obtendo todas as informações necessárias para a realização do projeto, buscando conhecer todas as suas necessidades e objetivos.

¨ Estudo preliminar: Trata-se do início do processo do projeto, apresentações através de plantas com layout e modelo eletrônico volumétrico, utilizando as informações obtidas no levantamento de dados.

¨ Anteprojeto: Nesta fase, as dimensões e características da obra serão definidas. Será desenvolvido o projeto com a elaboração da planta-baixa de cada pavimento, contendo informações de cada ambiente, esboço das soluções estruturais, cálculo das áreas e etc. Também será definida a volumetria, estrutura, planta de cobertura e instalações gerais.

¨ Projeto legal: Nesta etapa, a configuração do projeto deve estar de acordo com as normas e parâmetros indicados pelos órgãos competentes, com o objetivo de ser aprovada.

¨ Projeto Executivo: Muito mais técnico, consiste no desenvolvimento detalhado do anteprojeto após a compatibilização com os projetos complementares. Com plenas condições à execução da obra, acompanhado dos detalhamentos de materiais e desenhos técnicos necessários.

 

Projetos complementares

Como o próprio nome já diz, são os projetos complementares aos projetos arquitetônicos, os mais comuns são os de elétrica, lógica, TV e telefone, hidráulica e estrutura. Podendo também incluir conforto térmico e acústico, luminotécnica e paisagismo. 

Compatibilização de projetos

        A construção de qualquer edificação exige uma série de projetos, que geralmente, são feitos separadamente, o que aumenta as chances de ocorrem problemas durante a obra, levando a alterações de última hora ou até a quebra de estruturas já construídas para adaptação. A compatibilização consiste justamente em sobrepor da melhor forma possível todos os projetos antes do início da construção, com o objetivo de detectar e corrigir falhas relacionadas às interferências e inconsistências físicas entre os vários elementos da obra, visando o perfeito ajuste entre os projetos, tendo como principais objetivos: evitar o retrabalho, minimizar os conflitos existentes, simplificar a execução, otimizar e racionalizar os materiais e o tempo de construção. 

 

Gerenciamento e execução de obras

Este trabalho visa ter controle de todas as etapas das obras, o que inclui planejamento e gerenciamento, visitas periódicas ao canteiro para assegurar a qualidade, segurança, e se as técnicas e materiais corretos estão sendo empregados, coordenação de equipes terceirizadas, assegurar a fidelidade quanto ao projeto e ajusta-lo a possíveis imprevistos, fiscalizar obras e serviços quanto ao andamento físico, financeiro e legal, conferir medições, avaliar serviços executados, pesquisa e compra de materiais, bem como o gerenciamento de prazo de entrega; Escolha e/ou indicação de fornecedores;

 

Quantitativo de materiais e orçamentação de obra

Consiste na preparação do cronograma físico e financeiro, quantificação de materiais e acabamentos necessários para a obra, discriminando suas características;